0

Adolescência do Bebê, Escola, Tudo Junto Agora…

Por Inaiá

Terrible Two tem dado trabalho aqui em casa.. Belle está terrível, e eu estou arrasada!

Essa semana começamos reforma em nosso apartamento e tivemos que nos mudar pra casa dos avós paternos. Mudança de rotina e de ambiente que bagunçou tudo! Tudo bem que a gente já esperava por alguma reação dela, mas não achávamos que  seria tanto, que teríamos regressão até na escolinha!

Passada uma semana de escolinha, Belle estava adaptada. Nada de choro, carinho com professora, comendo lanchinho direitinho! Tudo lindo e mais rápido do que eu imaginava. Agora, há dois dias que dá trabalho até pra se arrumar pra sair. Pra ficar na escola então…aff!! Escândalos de novo!

Em casa também anda bem irritada! Hoje pediu ‘quero minha casinha’, coração de mãe chora!! Conversamos bastante com ela, explicando que nossa casinha está toda bagunçada e que logo logo voltaremos com tudo novo. Que vai ser bom ficar na casa da vovó e do vovô por um tempo. Que ela não precisa ficar triste. Mas não é tão fácil quanto gostaríamos fazê-los entender esse tipo de coisa.

Vamos que vamos!!! Começar tudo de novo!! Essa é a vida das Mães que Agem… certo?!

Anúncios
2

30 Coisas Que Mudaram Com A Maternidade

Por Mães Que Agem

30 coisas que mudaram com a maternidade:

  1. O comprimento das unhas
  2. A quantidade de horas de sono
  3. A qualidade das horas de sono
  4. A decoração da sala
  5. O tempo livre
  6. Os restaurantes frequentados
  7. Os programas de lazer
  8. Os destinos de viagem
  9. As prioridades
  10. Os palavrões
  11. Alguns amigos
  12. O casamento
  13. A sobremesa
  14. Os programas de TV
  15. O conceito de felicidade
  16. Algumas vontades
  17. As roupas
  18. A altura do salto
  19. O tamanho da bolsa
  20. Os gasto$
  21. O corpo
  22. A mente
  23. As preocupações
  24. Os erros (ou a percepção deles)
  25. A sensibilidade (choro por qualquer coisa)
  26. A lista de compras
  27. A relação com a morte (e se acontecer alguma coisa comigo?)
  28. A significado de ‘paciência’
  29. A pontualidade
  30. A lista de leitura
0

Desfralde – Parte II

Por Inaiá

O que levar na bolsa?

Bolsa de mãe de criança tem de (um) tudo, nénão?! Fralda, pelo menos uma troca de roupa, casaco, mamadeira, copo de água, e por aí vai!! Durante o processo de desfralde alguns itens devem ser adicionados (ou substituídos).

Como já estamos saindo com Belle sem fralda, na bolsinha dela tem:

  • Várias calcinhas extras. Pelo menos 3;
  • Lenços umedecidos (caso o banheiro não tenha papel ou tenhamos que parar o carro no meio do Eixão porque xixi não pode esperar);
  • Pelo menos mais duas trocas de roupa;
  • Protetores de assento descartáveis. Tem na rua das farmácias;
  • Redutor de assento dobrável (esse só no caso de passarmos o dia na casa da vovó ou em viagens);
  • E, claro, fraldas. Afinal, ainda estamos no processo de desfralde. Se ela vai dormir no carro, boto fralda. Se vamos em algum lugar onde é impossível fazer xixi. Boto fralda. Como já disse, está sendo tudo sem estresse por aqui.

E o que tem na bolsa do seu filho (a)? Conte pra gente.

0

Programa Fidelidade Danone

Por Carol

Dica rápida:

A Danone possui um programa de fidelidade em alguns de seus produtos. Você se cadastra rapidamente no site e depois usa seu login pra cadastrar códigos que vêm nas embalagens dos produtos participantes da marca (Activia, Corpus, Danoninho, Danone Kids, Danette, Requeijão Danone e outros). Cada produto gera uma quantidade de pontos, e os pontos acumulados podem ser trocados por produtos diversos no site ou, mais legal ainda, gerar cupons de desconto pra comprar outros produtos Danone! Legal pra quem sempre compra aquele Danoninho ou toma Activia diariamente porque normal não é se sentir inchada, normal é se sentir bem. O programa também te dá descontos para compras online em vários sites, como Extra, Centauro, entre outros!

Não, não estamos ganhando nada com esse post! Mas dica boa e de graça tem que ser compartilhada, né?

Pra participar, clique aqui.

0

Novo, de novo.

Por Mães Que Agem

Não tem nada mais chato que acompanhar um blog que não tem post novo nunca. Eu mesma fico bem brava se meus blogs de leitura diária ficam parados muito tempo. Por isso, meninas, pedimos desculpas por tanta ausência. Devemos confessar que essa vida de Mãe que Age DEMAIS tá bem corrida, e conciliar tudo não tem sido tarefa fácil!

Como a gente gosta muito do blog e de escrever, voltamos. Voltamos com o propósito de não parar mais, de pegar no tranco e sair correndo, de trazer sempre posts interessantes, bacanas e divertidos pra vocês! E trouxemos reforço também! A partir de hoje, temos uma terceira Mãe que Age no blog, a Inaiá, amiga antiga de Tarsila e amiga minha não tão antiga assim, mas muito querida! Já tem apresentação dela aqui.

Começamos na segunda, e com post da Inaiá!!

Beijos e bem vindas de volta!

0

Pra Rir Um Pouco

Por Mães que Agem

Essa eu aposto que todo mundo vai se identificar!!

20130614-072130.jpg
Bom final de semana!

8

Como fazer tranças – Desvendando os mistérios da Rapunzel

Por Tarsila

Brinco de boneca com a Lívia e já estou me profissionalizando no quesito penteado. Desde que ela tinha tufinhos fazia malabarismo capilares. Malabarismo para mexer no cabelo enquanto a distraia pra ficar com a cabeça parada e fazer arte com os fiapos! Tudo junto e misturado. Cantava, contava uma história sem fim e dava uma escova de brinquedo pra mexer também no cabelo das bonecas. Tem que ter muita paciência. Inúmeras vezes quando estava finalizando o penteado, Samuel chegava com uma novidade no quarto, ela virava para o lado e lascava tudo!  Nesses casos, respiro fundo e começo de novo (ou não!).

Vi muitos passos a passos de tranças de raiz no Youtube e fui testando no cabelo dela. Até que uma hora dava certo. Tudo na vida é prática, fazer tranças também. No começo a gente vai fazendo sem entender a lógica do trançando, mas rapidinho a gente pega o jeito e vai inventando penteados. Eu acho bem divertido.

Descobri duas coisas. Primeira, fazer trança com o cabelo seco é melhor do que ele estar molhado. Porque as mechas deslizam com mais facilidade entre os dedos e já vemos como ficará o caimento. Mas tem que ter um gel pra umedecer, uso o da Johnson. Segunda, para tranças de raiz temos dois tipos: embutida e aparente. Para trança ficar embutida passamos as mechas laterais por cima da mecha central. E para trança ficar mais aparente, passamos as mechas laterais por baixo da mecha central.

IMAGEM 3

IMAGEM 2

Notaram a diferença?

Hoje, vou mostrar um penteado com trança que faz muito sucesso! Trancinha de raiz que imita uma tiarinha. Para esse tipo, fazemos uma trança aparente.

Materiais:

IMAGEM 1

Passo a passo:

1 – Com os cabelos secos separo uma faixa de cabelo que usarei para fazer a trança e faço um rabo de cavalo com o restante do cabelo que não usarei. Isso para não misturar os fios e não bagunçar o coreto!

IMAGEM 4

2 – Passo gel na faixa de cabelo separada e já pego o pedaço de cabelo que começarei a fazer a trança.

IMAGEM 5

3 – Separo as três mechas e faço o primeiro trançado, passando as mechas laterais por baixo da mecha central.

IMAGEM 6

4 – Com a ponta fina do pente, separe uma faixinha de cabelo e junte com a mecha que está no meio e dê um trançado. Sempre passe as mechas laterais por baixo dessa junção central.

IMAGEM 8

5 – Continue separando as faixinhas de cabelo e  juntando com a mecha central da trança. Ela vai ficando grudada na cabeça.

IMAGEM 9

6 – Quando acabar a faixa de cabelo que foi repartida, continue a trança e prenda com a liguinha de silicone.

IMAGEM 10

7 – Para finalizar, você pode esconder a ponta da trança com um grampo. Mas para não correr o risco de machucar a cabeça da Lívia, separo uma mecha de cabelo do lado oposto ao que terminou a trança e junto por baixo do cabelo pra esconder o fim da trança e parecer uma tiara.

IMAGEM 11

8 – Pode até colocar com um enfeite e fica assim. Fuefa!

IMAGEM 13

IMAGEM 12

Quando a gente pega o jeito é só correr pro abraço! Mandarei em breve mais penteados que faço com trança!